★ Como escolher o notebook perfeito para as suas necessidades?

Photo of ★ Como escolher o notebook perfeito para as suas necessidades?
Facebook
VKontakte
share_fav

Estamos em 2019, e a gama de opções para comprar um notebook é maior que nunca. Claro, você pode simplesmente escolher a opção mais barata e torcer para que a relação dê certo, mas esse raramente é o caminho mais salutar: caso o seu uso do computador vá um pouco além do mais básico, escolher uma máquina unicamente pelo preço é a forma mais rápida de ter dores de cabeça e evocar aquela velha vontade de jogar o notebook na parede (não faça isso, por favor).

A questão é: a escolha do seu próximo computador portátil passa, primeiramente, pelo seu perfil de uso; a partir dele, você pode definir outros parâmetros de interesse, como recursos extras ou, claro, preço.

Pois nada tema, meu caro padawan — é exatamente para isso que estamos aqui: apresentar brevemente algumas categorias de notebooks, com seus principais diferenciais e faixas de preço para que você possa escolher a que melhor se encaixa no seu perfil, necessidades e orçamento.

MacBooks: para quem está no ecossistema da Apple (ou quer entrar nele)

Estando no MacMagazine, é natural que nós comecemos falando sobre a nossa razão de ser. Escolhemos separar os MacBooks do resto do grupo porque, bom, eles representam sua própria categoria; se você já teve a oportunidade de mexer em um, certamente sabe que eles são no mínimo diferentes do que o mundo Windows oferece.

As mudanças, nos MacBooks, começam pelo sistema operacional: sai o Windows (ou o Linux, em alguns casos) e entra o macOS, que traz uma experiência diferente daquela com que a maioria dos usuários está acostumado. A parte boa é que o Mac é muito fácil de usar e, com um período curto de adaptação, você estará navegando pelo sistema da Apple como se o conhecesse desde sempre.

Outras vantagens dos Macs incluem baterias de longa duração, trackpads reconhecidamente excelentes (com um sistema de gestos insuperável), qualidade de construção de primeira e telas belíssimas. Claro, você pode ter problemas com o teclado super-raso — e que está em vias de mudar — ou com a falta de conexões físicas, mas a experiência é, no geral, muito harmônica. Se você tiver disposição para pagar, isto é.

Temos, hoje, duas linhas de MacBooks à venda: o MacBook Air, direcionado a usuários mais casuais/intermediários e com design ultrafino, a partir de R$9.700. Já o MacBook Pro é para quem tem necessidades mais profissionais e com especificações mais parrudas, a partir de R$12.000 (no modelo de 13 polegadas) ou R$21.300 (no modelo de 15 polegadas). Sim, é caro, se você já está no ecossistema da Apple ou quer entrar de cabeça nele, esses são os preços a se pagar.

Notebooks i3: para quem faz uso básico dos seus computadores

Voltando para o mundo do Windows, podemos fazer uma distinção básica de categorias de acordo com os processadores que equipam cada grupo de notebooks. Começamos, portanto, com os computadores equipados com chips Core i3, da Intel — os mais básicos do grupo, que são ótimos para quem quer fazer um uso básico de suas máquinas.

Em outras palavras, se você quer um computador simplesmente para navegar na internet, checar seus emails, ouvir música e acessar redes sociais, um notebook i3 é uma ótima opção. É bom notar, claro, que não existe apenas um tipo de processador i3, mas vários deles, e você pode conferir a diferença básica entre eles por meio do código de cada um.

Tomemos como exemplo o Core i3-8145U: o número 8 indica que ele é da oitava geração (atualmente, já estamos na décima); a sequência 145 serve para identificá-lo e o sufixo “U” indica potência ultrabaixa, ou seja, um processador de baixo consumo energético, que exige menos da bateria mas perde um pouco em performance. Há ainda letras como Y (para consumo de energia baixo), G (para processadores que incluem gráficos discretos), H (para processadores com gráficos de alto desempenho) ou K (para processadores desbloqueados, isto é, onde é possível fazer overclocking). Essas dicas, aliás, valem para todas as demais famílias da Intel, como as que trataremos a seguir.

Dentro do universo i3, temos boas opções em alguns tamanhos. A HP e a Positivo, por exemplo, oferecem modelos interessantes de 14 polegadas por cerca de R$1.700 ou R$2.000, respectivamente. A Acer e a Lenovo, alternativamente, têm boas máquinas de 15,6 polegadas, ótimas para quem precisa de uma tela maior (e de um teclado numérico!) por R$2.000 ou R$1.850, respectivamente.

Notebooks i5: para quem quer um pouco mais

Se os notebooks i3 são, digamos, os mais básicos na nossa escala, aqueles equipados com processadores Core i5 representam a subida de um degrau. Um notebook i5 é, por excelência, versátil: com um pouco de paciência, você pode realizar tarefas de todos os tipos nele, e sua vocação é mais indicada para quem gosta de navegar na internet com dezenas de abas abertas ao mesmo tempo, abrir vários programas simultaneamente, realizar edições de arquivos um poucos mais pesados na suíte Office ou usar recursos básicos do Adobe Photoshop, por exemplo.

Nessa categoria, já é mais importante atentar-se às demais especificações do notebook — não que nas anteriores não seja, mas é que aqui começamos a ver uma variação maior nas opções. Se você estiver procurando uma máquina apta a rodar vários programas ou abas de navegador ao mesmo tempo, é bom escolher uma com 8GB ou mais de RAM, como esse modelo da Lenovo, que sai por R$3.059.

Para quem deseja uma performance ainda melhor, uma boa pedida é escolher uma máquina com SSD — o componente, que substitui o disco rígido como unidade de armazenamento, traz velocidade muito maior, mas capacidade reduzida. Dentre os modelos recomendados, temos o Vaio Fit 15S, que traz tela grande, teclado numérico e um SSD de 256GB, por R$3.100.

Por outro lado, há quem prefira ter o máximo de armazenamento possível embutido em seu computador, para enchê-lo de arquivos de todos os tipos. Para isso, uma boa recomendação é o Acer Aspire 5, que tem HD de 2TB e sai por R$2.450. É bom notar que ele vem com Linux, o que pode ser — assim como no Mac — um obstáculo para quem tem costume com o mundo do Windows.

A categoria dos notebooks i5 também traz opções para quem tem o orçamento mais apertado — contando que você se disponha a abrir mão de especificações mais parrudas, é claro. Nesse sentido, uma boa pedida é o Lenovo IdeaPad 330, que conta com HD de 500GB, 4GB de RAM, tela de 15,6 polegadas e preço em torno dos R$2.000. Ele também roda Linux, é bom notar.

Notebooks i7: para uso avançado

Mais um degrau acima na nossa categorização, chegamos ao grupo de notebooks com processadores Intel Core i7. Aqui, a coisa começa a pender para o lado dos power users, ou seja, usuários que exigem muita potência das suas máquinas para realizarem tarefas de todos os tipos — desde navegação e e-mail até softwares profissionais, como o AutoCAD ou o Adobe Premiere — sem engasgos ou travamentos. Claro, isso dependerá de uma série de outros componentes internos (e da própria especificação do processador), mas, no geral, um notebook i7 é pau para toda obra que não renega trabalho.

Entre as melhores opções da categoria, temos o Lenovo IdeaPad 330, com processador Core i7-8550U, 8GB de RAM e 1TB de armazenamento, além de tela de 15,6 polegadas. Ele está saindo por R$3.200 e já vem com Windows 10 Home instalado.

Quem preferir uma máquina com SSD, para performance ainda melhor, pode optar pelo Vaio Fit 15S, com chip Core i7-7500U, 8GB de RAM e SSD de 256GB. Ele traz o mesmo tamanho de tela do Lenovo citado acima, também conta com o Windows 10 Home e sai por R$3.600.

Para quem quiser uma opção mais compacta, mas nem por isso menos poderosa, uma boa recomendação é o Lenovo ThinkPad E480 — ele conta com o icônico design da IBM (cuja divisão de computadores pessoais foi adquirida pela Lenovo em 2005) e traz uma tela de 14 polegadas, processador Core i7-8550U, 8GB de RAM e 1TB de armazenamento. No momento, ele sai por R$4.900.

Aqui, há também uma recomendação interessante para quem quer a máquina mais leve possível e não está com o orçamento limitado: trata-se do LG Gram, auto-proclamado o notebook de 15 polegadas mais leve do mundo, com menos de 1kg — pouco mais da metade de um MacBook Pro com o mesmo tamanho de tela. Ele conta com um processador Core i7-8550U, 8GB de RAM e um SSD de 256GB, e está saindo por R$6.300.

Notebooks gamer: para os apaixonados por jogos eletrônicos

Aqui, a regra do jogo muda. Se você está comprando um notebook com a intenção principal de usá-lo como sua máquina oficial de jogatina, os parâmetros para escolher a máquina ideal mudam — claro, você ainda se beneficiará com um processador mais potente ou uma boa quantidade de RAM, mas tão determinante quanto (ou mais) é a escolha de uma boa placa de vídeo. Uma tela de qualidade e a capacidade de expansão também são fatores importantes a se considerar.

O notebook gamer ideal vai depender muito do tipo de jogo que você pretende rodar nele e, claro, do seu orçamento disponível. Nós temos algumas recomendações — a começar pelo Acer Aspire Nitro 5, que conta com um processador Core i5-7300HQ, placa NVIDIA GeForce GTX 1050 com 4GB de memória, 8GB de RAM, 1TB de armazenamento e tela de 15,6 polegadas. Atualmente, ele sai por R$4.100.

Outro notebook Acer que pode ser recomendado é o Predator Helios 300, com processador Core i7-7700HQ, placa NVIDIA GeForce GTX com 6GB de memória, 16GB de RAM, HD de 2TB e tela de 15,6 polegadas. Com essa configuração, ele tem um preço girando em torno de R$5.600.

Há outras opções de marcas, também. A Lenovo, por exemplo, oferece uma opção ligeiramente mais sóbria com o Legion Y530, que conta com processador Core i5-8300H, placa NVIDIA GeForce GTX 1050 com 4GB de memória, 8GB de RAM, 1TB de armazenamento e tela de 15,6 polegadas. Seu preço fica na casa dos R$5.000.

Concluindo

Depois dessa verdadeira viagem, uma coisa é certa: o mundo dos notebooks é vasto, cheio de opções e, para os não-iniciados, um tantinho intimidador. Com um pouquinho de orientação, entretanto, é fácil escolher o modelo certo para você e ser feliz para sempre (ou pelos próximos anos, pelo menos). E, claro, você não precisa se limitar aos modelos aqui citados: há um universo de máquinas a ser explorado, e a rede mundial de computadores é sua amiga nessa expedição.

Se você tiver alguma outra dica relacionada à escolha do notebook perfeito, não deixe de compartilhá-la conosco nos comentários abaixo. E boas buscas!

· • ·

Selo - Artigo Patrocinado
ver Mac Magazine
#redes sociais
#programas
#teclado
#mac
#ssd
#máquina
#macos
#preço
#publieditorial
#usuários
#linux
#windows
#lenovo
#core i5
#acer
#notebook
#performance
#gráficos
#macbooks
#conexões
#paciência
#processadores
#versátil
#jogar
#navegar
#chips
#excelência
#positivo
#disco rígido
#4gb
#potência
#gadgets
#256gb
#adobe photoshop
#qualidade
#internet
#apple
#hardware
#destaques
#nvidia geforce gtx
#legion y530
#ouvir música
#8gb
#acer aspire 5
#adobe premiere
#autocad
#computador portátil
#core i3-8145u
#core i5-8300h
#core i7-7500u
#core i7-7700hq
#core i7-8550u
#família da intel
#lenovo idealpad 330
#notebook i3
#notebook i5
#predator helios 300
#processador i3
#suíte office
#trackpads
#vaio fit 15s