Disney+ será compatível com todos os dispositivos da Apple (e do mundo, basicamente)

Photo of Disney+ será compatível com todos os dispositivos da Apple (e do mundo, basicamente)
Facebook
VKontakte
share_fav

Enquanto seu lobo o Apple TV+ não vem, o mundo volta suas atenções para o lançamento de outra plataforma titânica de streaming que pode chacoalhar o cenário mercadológico e artístico. Falo, naturalmente, do Disney+, o serviço da gigante do Mickey Mouse (que parece engolir novas empresas e propriedades intelectuais num ritmo cada vez maior) que chegará no dia 12 de novembro em três países.

Hoje, a Disney revelou alguns detalhes extras sobre o lançamento do serviço e disponibilizou, pela primeira vez, a lista completa de plataformas que poderão acessar a plataforma já no primeiro dia. Como era de se esperar, todo o ecossistema da Apple está na lista: teremos aplicativos para iOS e tvOS, além, claro, de um cliente na web que poderá ser usado no Mac (ou em qualquer navegador compatível, claro).

A lista completa de plataformas onde o Disney+ estará disponível no lançamento é a que segue:

  • iPhone, iPad (iOS) e Apple TV (tvOS);
  • Dispositivos Android, Android TV e Chromecast;
  • Navegadores web;
  • PlayStation 4 e PlayStation 4 Pro;
  • Xbox One, One S, One X e One S All-Digital Edition;
  • Roku e Roku TV.

Algumas ausências chamam a atenção, como a dos dispositivos da Amazon, como o Fire TV e os tablets Kindle Fire, e das Smart TVs da Samsung (que rodam Tizen) e da LG (webOS). É provável, entretanto, que isso seja só uma questão de tempo, já que outros aplicativos de propriedades da Disney, como o Hulu, têm presença normal nessas plataformas.

Interessante notar que, tomando o caminho contrário de outras gigantes, a Disney permitirá que potenciais clientes assinem a plataforma diretamente pelo aplicativo para iOS ou tvOS. Como sabemos, empresas como Netflix e Spotify abandonaram essa opção nos últimos tempos, orientando os usuários a assinarem seus serviços diretamente pela web — isso por conta da cobrança da Apple (a parte que fica com ela) por assinaturas feitas dentro do seu ecossistema.

Outro detalhe interessante, trazido pelo The Verge: ao que tudo indica, a Disney tem planos de integrar o conteúdo do Disney+ com o aplicativo Apple TV, para que seus filmes e séries originais apareçam como sugestões na plataforma da Maçã e possam ser buscados pela Siri. Isso ainda não foi confirmado, entretanto.

A Disney anunciou hoje, também, que mais dois países verão a chegada do Disney+ no mesmo dia que os Estados Unidos: Canadá e Países Baixos. O serviço custará, respectivamente, CA$9 por mês (CA$90 por ano) e 7€ mensais (70€ por ano). Aqui no Brasil, como já dito, a plataforma chegará somente no fim de 2020/começo de 2021.

Apple TV 4K

de Apple

Preço à vista: a partir de R$ 1.169,10
Preço parcelado: em até 12x de R$ 108,25
Lançamento: setembro de 2017 (5ª geração)

Botão - Comprar agora

via TechCrunch

ver Mac Magazine
#plataformas
#apple tv
#tvos
#ios
#ipad
#mac
#web
#países baixos
#internet
#software
#disney
#apple
#iphone