Após ser beijada à força, Miley Cyrus dá lição sobre consentimento

Photo of Após ser beijada à força, Miley Cyrus dá lição sobre consentimento
Facebook
VKontakte
share_fav

Miley Cyrus se pronunciou no Twitter sobre o ataque sofrido no último final de semana, em Barcelona, e deu uma grande lição sobre consentimento.

Durante uma viagem à Espanha, ela e o marido Liam Hemsworth saíam do hotel, cercado de fãs, quando um deles agarrou a cantora pelo cabelo e pescoço e deu um beijo forçado. Em seguida, os seguranças já entraram em ação e a cantora foi rapidamente para o carro.

Na rede social, Miley desabafou: “Ela pode estar usando o que quiser. Ela pode ser virgem. Ela pode dormir com cinco pessoas diferentes. Ela pode estar com o marido. Ela pode estar com a namorada. Ela pode estar pelada. Ela NÃO pode ser tocada sem consentimento” e acrescentou a hashtag “não se meta com a minha liberdade”, uma referência à sua nova música ‘Mother’s Daughter’.

Os seguidores apoiaram o texto: “é isso!”, “isso é 100% sério, sinto muito que você tenha passado por isso”. A atriz de ‘Westworld’, Evan Rachel Wood, também se pronunciou e disse “isso é horrível. Sinto muito que tenha acontecido”.

Em seguida, Miley compartilhou alguns comentários que a culpavam pelo ocorrido, dizendo que ela estava “pedindo” para ser assediada pela forma como se vestia: “Você queria ser sexy, esperava o quê?”, “o que você esperava se vestindo como uma vadia? E olha que eu gosto de algumas músicas”.

Mas ela não ficou quieta. Mais uma vez, a cantora rebateu: “Não se metam com a minha liberdade. #AindaNãoEstouPedindoPorIsso”.

Fechar X
ver Virgula
#machismo
#assédio
#miley cyrus
#liam hemsworth
#famosos