Google permitirá que dados de localização/web sejam apagados automaticamente

Photo of Google permitirá que dados de localização/web sejam apagados automaticamente
Facebook
VKontakte
share_fav

Se existe algo que divide opiniões não só entre as gigantes de tecnologia mas toda a web, é o tema privacidade — mais especificamente, dados de usuários. Atualmente, acompanhamos o aumento dos casos (ou melhor, polêmicas) envolvendo o uso inapropriado de informações pessoais por diversas empresas — e isso é, de fato, uma questão muito preocupante.

Contudo, como podemos controlar quais dados são “retidos” por essas companhias? Afinal, gerenciar essa quantidade colossal de informações não é uma tarefa fácil, considerando que muitos não utilizam um só dispositivo. Pensando nisso, o Google apresentou um novo recurso que permite aos usuários definir o tempo para que todos seus dados de localização e outros sejam apagados automaticamente.

Mais precisamente, a novidade possibilita escolher um limite de tempo (3 ou 18 meses) para que seus dados e atividade na web fiquem nos servidores da companhia; dados anteriores a esse período serão excluídos automaticamente de sua conta de forma contínua.

De acordo com o Google, essa ferramenta está sendo disponibilizada gradativamente para o histórico de localização e de atividade na web (incluindo de apps), inicialmente — o novo botão “Excluir automaticamente” aparecerá em breve, para todos os usuários, na página “Minha atividade”.

Vale notar que essa ferramenta não impede o Google de armazenar dados e atividades na web, apenas os força a apagar tudo em uma determinada janela. Para cancelar a coleta dessas informações, é necessário acessar as configurações da sua Conta e desativá-las manualmente, bem como para apagar outros tipos de dados não cobertos pela nova ferramenta (como sua pesquisa no YouTube, o histórico de exibição, entre outros).

via TechCrunch

ver Mac Magazine
#aplicativo
#recurso
#privacidade
#site
#navegação
#novidade
#localização
#ferramenta
#segurança
#gerenciar
#informações pessoais
#internet
#dados
#google
#atividade na web