Bancos recuperam rentabilidade após recessão, mesmo com economia a passos lentos

Facebook
VKontakte
share_fav

Lucros em termos nominais (sem retirar os efeitos da inflação) chegaram, em 2018, ao maior patamar desde 2011, segundo o Banco Central

ver Jornal do Comércio
#bancos