Ser ‘trans’ é cruzar uma fronteira política

Photo of Ser ‘trans’ é cruzar uma fronteira política
Facebook
VKontakte
share_fav

Eu me atrevo a dizer quais são os processos de cruzamento que melhor nos permitem compreender a transição política global que estamos enfrentando. A mudança de sexo e a migração são as duas práticas de travessia que, ao porem em xeque a arquitetura política e legal do colonialismo patriarcal, da diferença sexual e do Estado-nação, situam um corpo humano vivo nos limites da cidadania e até do que entendemos por humanidade. O que caracteriza as duas viagens, para além do deslocamento geográfico, linguístico ou corporal, é a transformação radical não só do viajante, mas também da comunidade humana que o acolhe ou rejeita. O antigo regime (político, sexual, ecológico) criminaliza todas a práticas de travessia. Mas onde a travessia é possível, o mapa de uma nova sociedade começa a ser desenhado, com novas formas de produção e de reprodução da vida.

ver El País
#sexualidade
#identidade sexual
#feminismo
#filosofia
#relações gênero
#homens
#livros
#transexualidade
#orientação sexual
#transexuais
#homossexualidade
#movimentos sociais
#ativismo lgtbiq
#papéis sexuais
#preconceitos
#problemas sociais
#homofobia
#cultura
#identidade gênero
#lgtbiphobia
#comunidad lgtbiq
#mudança sexo
#virginie despentes
#edouard glissant