Saiba como será preenchida a vaga de Moro; novo juiz assumirá Lava Jato

Facebook
VKontakte
share_fav

O juiz que ocupará a vaga deixada pelo futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, à frente da operação Lava Jato, será escolhido por meio de 1 concurso. O TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) lançará 1 edital após a publicação da exoneração do juiz federal no DOU (Diário Oficial da União), que deve acontecer nesta 2ª feira (19.nov.2018).

Os juízes federais que desejarem concorrer à vaga terão 10 dias para inscrever-se. O processo de seleção deve durar cerca de 1 mês e o candidato será escolhido de acordo com o critério da antiguidade.

Nesses casos, 1º leva-se em consideração o tempo no cargo de juiz federal na 4ª Região, que abrange os Estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Depois, a longevidade no exercício no cargo de juiz federal substituto na 4ª Região. Por fim, o critério de classificação no concurso público.

A juíza substituta da 13ª Vara, Gabriela Hardt, 42 anos, ocupa a vaga deixada por Moro interinamente. Na última 4ª feira (14.nov), a magistrada interrogou o ex-presidente Lula, preso por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do tripléx do Guarujá.

Gabriela Hardt assumiu provisoriamente a vaga em 1º de novembro, após Sérgio Moro entrar em férias para cuidar da transição de governoReprodução/Ajufe – 17.abr.2017

BIOGRAFIA DE MORO

Juiz federal há 22 anos, Sérgio Moro ganhou notoriedade ao comandar a operação Lava Jato, considerada, pelo Ministério Público Federal, como o maior escândalo de corrupção e lavagem dinheiro do Brasil.

Desde 2014, Moro já decretou cerca de 180 prisões, dentre elas a do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de outros políticos, e de empresários e diretores de grandes corporações brasileiras, como a Petrobras e a Odebrecht.

O futuro ministro da Justiça aparece nas listas das publicações Fortune, Time e Bloomberg como uma das principais lideranças do mundo desde 2016. Apesar disso, enfrenta críticas de políticos de esquerda, que consideram parcial sua atuação.

No dia 1º deste mês, Moro aceitou o convite do presidente eleito, Jair Bolsonaro, para comandar o Ministério da Justiça e da Segurança Pública.

Sérgio Moro deve anunciar na próxima semana os primeiros membros da sua equipe no Ministério da JustiçaSérgio Lima/Poder360 – 7.nov.2018

ver Blog do Fernando Rodrigues
#tribunal regional federal da 4 região
#sérgio moro
#corrupção
#lava jato
#trf4
#justiça
#gabriela hardt
#13 vara da justiça federal