Coluna Esplanada: Migração de venezuelanos aquece comércio em Roraima

O Dia

O Dia

- Segundo fontes militares da região, a migração é a motivação da suposta invasão do espaço aéreo brasileiro por dois caças Sukhoi do país latino -

Brasília - A crise econômico-social na Venezuela e a migração da população venezuelana para Roraima aqueceu o comércio em Boa Vista e Pacaraima. Os números da Federação das Indústrias do Estado confirmam.

Segundo fontes militares da região, a migração é a motivação da suposta invasão do espaço aéreo brasileiro por dois caças Sukhoi do país latino há dias. O governo de Nicolas Maduro monitora a crescente movimentação na cidade fronteiriça de Santa Helena. Por questão de soberania, a Força Aérea Brasileira enviou sete caças AMX e dois Hércules C-130 para a base de Boa Vista.

Resultado

Em agosto, as exportações em Roraima registraram aumento de 7% em relação a julho, com US$ 810 mil. A balança comercial apresentou superávit de US$ 101.354.

Brasiiilll

Em Manacapuru (AM), a Coroca, prostituta que batia ponto no porto da cidade até agosto, foi eleita a quarta vereadora mais votada – e campeã de votos femininos.

Bafômetro do Poder

Faz sentido a afirmação do deputado Silvio Costa (PTdoB-PE) sobre o consumo de bebidas alcoólicas de aliados do presidente Michel Temer em jantares da base governista. Após encontro na residência do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, um deputado gaúcho do PMDB exalava aroma de uísque e estava visivelmente “alto”.

Ameaça..

O batalhão de servidores terceirizados do Senado ameaça cruzar os braços nos próximos dias. Tomou calote – salários, férias e 13º - da Qualitec, que teve o contrato rescindido há três meses. Presidente da Casa, Renan Calheiros diz que está fora de sua alçada.

..terceirizada

A atual empresa que presta serviço ao Senado, Fortal, manteve os servidores e, até aqui, paga em dia os salários. Os senadores Paulo Paim e Jorge Viana, ambos do PT, atuam como interlocutores para debelar o movimento grevista.

Trump x Hillary

Apesar de boçal, Donald Trump fala o que os americanos querem ouvir. Empresários americanos em contato com a Coluna revelam que ele lidera várias sondagens.

Alinhamento

Mas você não sabe, não é? Porque a mídia brasileira, que bate em Trump desde o início do ano, é alinhada aos democratas americanos e torce por Hillary.

La garganta

Esquecida pela imprensa, Dilma Rousseff busca canais alternativos para manter o discurso de golpismo. Ao blog argentino La Garganta Poderosa, a petista arranhou o portunhol: “Estoy mui bien, porque tengo em claro que debo luchar. Hay que luchar”

Quem pariu

O bordão “vamos tirar o Brasil do vermelho para voltar a crescer” que estampou campanhas do Governo nos últimos dias, alvo de contestação na Justiça, tem pai: era repetido pelo chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, durante o processo de impeachment.

Olho neles

Os irmãos Koch, dos EUA, amigos dos tucanos José Serra (chanceler) e Aloysio Nunes (líder do Governo no Senado), os pais da ideia da desobrigação da Petrobras em atuar no pré-sal, aguardam a hora certa de se associarem a petroleiras para a compra de poços.

Voz do mercado

Um dos maiores empresários do setor imobiliário do País, Paulo Octavio reclama da burocracia do 'habite-se' para imóveis entregues – “Trava hoje dificulta muito o setor de construção civil” – e se diz surpreso com a falta de empreendedorismo dos brasileiros.

Na webtv

“Vejo pouco entusiasmo, pouca gente querendo investir, isso é preocupante num Brasil que precisa crescer”, disse PO em entrevista à e-webtv, da Coluna.

IPOL da UnB

O Instituto de Ciência Política da UnB abriu nova turma de especialização Lato Sensu do curso de Análise Política & Políticas Públicas, com gabaritados doutores do Brasil e exterior. Informações no epolitca2016@gmail.com

Ponto Final

“O doutor Ulisses foi um brasileiro que combateu politicamente, sem violência, sem matar ninguém e conseguiu um fato importantíssimo que foi derrubar uma ditadura militar pela política”

Do ministro Moreira Franco, sobre as homenagens ao centenário do saudoso ex-deputado Ulysses Guimarães.

Coluna de Leandro Mazzini

view O Dia