Em recuperação de fratura, Iannone fica fora da etapa japonesa da MotoGP

Folha Vitória Esportes

Bologna - A Ducati anunciou nesta segunda-feira que o italiano Andrea Iannone não vai participar da etapa do Japão da MotoGP, a 15ª das 18 previstas para a temporada 2016 e que será disputada no próximo fim de semana no circuito de Motegi, após não se recuperar de uma lesão.

Iannone foi submetido a exames médicos na semana passada, com os médicos constatando excesso de líquido nas suas costas, ainda um efeito do acidente sofrido em Misano, nos treinos livres da etapa de San Marino da MotoGP, quando o italiano fraturou uma das suas vértebras.

Em razão do problema, Iannone não teve a sua participação liberada na prova de San Marino, em 11 de setembro. Duas semanas depois, o italiano também foi vetado da etapa de Aragão da MotoGP. Agora havia a expectativa de que o maior tempo para recuperação permitisse a sua participação na corrida japonesa, mas isso não ocorrerá.

O médico que examinou Iannone recomendou que o italiano siga com o seu processo de reabilitação e aguarde mais alguns dias para que esteja completamente recuperado da fratura, antes de voltar às pistas.

Assim, a Ducati tem a expectativa de que Iannone esteja liberado para voltar a correr na etapa australiana da MotoGP, marcada para 23 de outubro, no circuito de Philip Island, onde no ano passado o italiano foi ao pódio, em terceiro lugar.

Apesar da ausência de Iannone, a Ducati optou por não substituir o seu piloto na prova em Motegi. Assim, a equipe só vai correr com o também italiano Andrea Dovizioso na etapa japonesa da MotoGP.

view Folha Vitória Esportes