Seleção chega à Venezuela após longa viagem

Seleção chega à Venezuela após longa viagem

Veja

Embalada por três vitórias nas eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, a seleção brasileira desembarcou em Mérida, na Venezuela, na madrugada desta segunda-feira. A viagem até a sede da partida desta terça-feira, às 21h30 (de Brasília), foi desgastante: depois de cerca de seis horas no avião fretado pela CBF, o elenco ainda encarou mais uma hora e meia de ônibus para chegar ao Hotel Convención.

O grupo jantou nas primeiras horas desta segunda e em seguida foi para os quartos descansar. O único treino antes da partida acontece nesta segunda, às 18h (de Brasília), no Estádio Metropolitano, palco do confronto válido pela 10ª rodada das Eliminatórias. A delegação retorna para São Paulo ainda na madrugada de quarta-feira, após o jogo.

Sem contar com Neymar, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o técnico Tite esboçou a equipe titular com algumas mudanças: Willian ocupa a vaga do camisa 10 e Paulinho retorna ao meio de campo, no lugar de Giuliano. A formação que deve ir a campo conta com Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Filipe Luis; Fernandinho, Paulinho, Renato Augusto, Willian e Philippe Coutinho; Gabriel Jesus.

Uma das preocupações de Tite é o excesso de atletas pendurados com cartão amarelo: os titulares Daniel Alves, Filipe Luís e Miranda, além dos reservas Giuliano e Lucas Lima, ficarão fora do clássico contra a Argentina, em 11 de novembro, no Mineirão, caso recebam cartão amarelo diante da Venezuela. Com 18 pontos, o Brasil é o vice-líder da competição, atrás apenas do Uruguai, que soma 19.

Brasil x BoliviaNeymar sofre corte na cabeça durante jogo contra a Bolívia na Arena das Dunas, em NatalBrasil x BoliviaGabriel Jesus após marca o terceiro gol do Brasil sobre a Bolivia pelas eliminatorias, na Arena das Dunas em NatalBrasil x BoliviaBrasil x BoliviaBrasil x BoliviaBrasil x BoliviaBrasil x Bolivia
Arquivado em:Esporte
view Veja