Piqué se irrita com polêmica e anuncia que deixará seleção após 2018

Piqué se irrita com polêmica e anuncia que deixará seleção após 2018

Gazeta Esportiva - Futebol internacional

Camisa de Piqué com as mangas cortadas gerou polêmica na partida contra a Albânia (Foto: Gent Shkullaku/AFP)

A Espanha deve perder um de seus principais nomes após a disputa da Copa do Mundo de 2018. Após nova polêmica, o zagueiro Piqué se irritou com acusações e anunciou que irá deixar a seleção depois da disputa do Mundial da Rússia.

O motivo que gerou o estopim para a decisão de Piqué foi uma polêmica na partida deste domingo diante da Albânia, pelas Eliminatórias europeias para a Copa do Mundo. O zagueiro do Barcelona entrou em campo com parte das mangas de suas camisas arrancadas e foi acusado de ter tomado a atitude exclusivamente para esconder as cores da bandeira espanhola. O episódio ganhou tamanha proporção porque o jogador é conhecido por defender a independência da Catalunha em relação a Espanha, já tendo sido anteriormente criticado por torcedores da seleção.

Descontente com as críticas, o zagueiro anunciou que irá deixar a seleção espanhola após a disputa da Copa do Mundo. “Tenho tentado de tudo, mas já não aguento mais. A polêmica em relação às mangas da camisa hoje foram a gota d’água. Conseguiram tirar meu sonho de vestir a camisa da Espanha. Mesmo que após a Copa do Mundo da Rússia eu tenha apenas 31 anos, eu irei deixar a seleção”, declarou.

Comunicado oficial da Federação Espanhola mostrou modelo de camisa com as mangas longas:

Após a polêmica, a federação espanhola saiu em defesa do zagueiro explicando que a atitude foi tomada apenas porque Piqué queria se sentir mais confortável em relação às mangas apertadas da camisa. O comunicado inclusive explica que o modelo de mangas cumpridas, utilizado pelo defensor, não contém as cores da bandeira espanhola, como é o caso da camisa de mangas curtas.

Confira parte do comunicado divulgado pela federação espanhola de futebol:

A Real Federação Espanhola de Futebol quer mostrar seu apoio ao jogador Gerard Piqué em meio à polêmica pelo corte das mangas de sua camisa na partida disputada contra a Albânia.

Ao contrário que haviam indicado alguns comentários mal-intencionados em que o jogador era acusado de cortar as mangas para evitar vestir um acessório com as cores nacionais, a RFEF quer deixar claro que este acessório só existe nas camisetas com as mangas curtas e não nas com mangas longas que Piqué usou nesta partida. A ausência pode ser notada na camisa de seu companheiro Sergio Ramos, que também utilizou o modelo com mangas largas.

O jogador cortou as mangas com o único objetivo de jogar mais confortável, como outros jogadores da seleção já haviam feito em outras ocasiões.

O post Piqué se irrita com polêmica e anuncia que deixará seleção após 2018 apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

view Gazeta Esportiva - Futebol internacional