Flexão com liberação das mãos: os prós e contras deste exercício

Flexão com liberação das mãos: os prós e contras deste exercício

El Hombre

Você conhece a flexão de braço com liberação das mãos? Esse tipo de flexão se tornou popular nas academias graças à sua utilização nas competições de crossfit. Mas seria ela, realmente, uma forma mais efetiva de realizar o exercício? E poderíamos utilizá-la para melhorar nossos ganhos de massa muscular?

Essa forma de flexão possui duas características importantes: (1) prioriza a execução completa, pois é necessário encostar totalmente no solo; (2) possui um ponto de parada, ou seja, por alguns momentos não existe contração no peitoral. Vamos analisar o que isso significa para o seu treino.

EXECUÇÃO COMPLETA

Priorizar uma execução completa é importante, pois é comum ver flexões em que a pessoa não desce até o chão e faz execuções curtas demais. Nos dois casos não estamos estimulando ao máximo a musculatura, e acabamos gerando um desequilíbrio muscular, já que você vai desenvolver somente força na amplitude em que treinar.

PONTO DE PARADA

Já o ponto de parada é algo polêmico. Ele possui um ponto positivo e um ponto negativo, ambos muito fortes. Quando realizamos uma pausa durante a execução – como deixar a barra descansar no peitoral no supino – você acaba com a ação de reflexo-contração, ou seja, você anula o acumulo de energia elástica na musculatura durante a fase excêntrica que seria utilizado para vencer a resistência na fase concêntrica. Isso deixa o exercício mais difícil.

Isso tornaria essa a melhor forma de realizar a flexão de braço, se não diminuísse o estresse metabólico na musculatura. Quando realizamos um exercício, levamos em consideração o tempo em que a musculatura vai ficar sob tensão. Isso é um fator muito importante para hipertrofia. Como teremos pausas durante a execução, esse fator é quase anulado, por isso que repetições com pausas são utilizadas principalmente no desenvolvimento de força. Mas como a carga na flexão é baixa, o desenvolvimento de força não seria seu ponto forte.

CONCLUSÃO

Em resumo, a flexão com pausa é uma variação boa para a flexão comum e pode ser colocada no seu treinamento, principalmente se o seu foco for no desenvolvimento de condicionamento físico ou emagrecimento. Para hipertrofia, sugiro uma variação de flexão com as mãos apoiadas em alguma superfície, para explorar uma maior amplitude de movimento e dificultar a execução.

O post Flexão com liberação das mãos: os prós e contras deste exercício apareceu primeiro em El Hombre.

view El Hombre