Google promove exibição de artes criadas por sua rede neural artificial

Google promove exibição de artes criadas por sua rede neural artificial

Tecmundo

O projeto DeepDream conduzido pela empresa mostra a autonomia crescente das soluções computadorizadas usadas pela humanidade

Por mais que alguns gostem de fazer distinções claras entre o que é tecnologia e o que é arte, esses dois elementos sempre conversaram de alguma forma. Entre aqueles que apoiam essa ideia está Blaise Agüera y Arcas, guru gráfico da Google que conduziu uma exibição de arte promovida pela empresa em São Francisco, no distrito de Mission.

O que diferencia a galeria organizada pela empresa é o fato de todas as obras exibidas terem sido criadas por sua rede neural artificial, que também gerencia seu sistema de buscas. Durante os dois dias em que as artes estiveram disponíveis para apreciação (e compra), a companhia conseguiu arrecadar US$ 84 mil, dinheiro destinado à Gray Area Foundation for the Arts, uma iniciativa que visa conciliar arte e tecnologia.

Leia mais...

view Tecmundo