viva e deixe viver: pelo direito de sermos nós mesmos

Facebook
ВКонтакте
share_fav

Uma criança vivendo num orfanato sem referências afetivas é mais feliz do que outra cuidada por dois pais ou duas mães? Quem condena a adoção por casais homoaefetivos preferiria ter crescido num lar para crianças abandonadas? Deveríamos exercitar a g...

посмотреть на Obvious (fanpage)