Clássico de NY tem briga entre torcidas e provocação à dupla de craques

Clássico de NY tem briga entre torcidas e provocação à dupla de craques

Gazeta Esportiva

A vitória do New York Red Bull sobre o New York City por 2 a 0 foi apenas um dos capítulos do clássico. Antes da partida, nas proximidades da Red Bull Arena, em Nova Jersey, um grupo de torcedores rivais protagonizou uma briga em frente a um bar onde estavam concentrados para ir ao estádio. Se do lado de fora a rivalidade culminou em pancadaria, nas arquibancadas a provocação adquiriu um tom cômico.

Em vídeo divulgado em primeira mão pelo Daily Mail é possível ver alguns torcedores rivais usando placas e outras ferramentas como armas para agredirem-se uns aos outros. A confusão na calçada só é apartada com a presença da polícia. Uma viatura de trânsito, ao se aproximar do local, fez com que os torcedores se espalhassem.

Na primeira vez em que Andrea Pirlo e Frank Lampard atuaram lado a lado no meio-campo do New York City, sendo escalados como titulares, os dois foram alvos de uma brincadeira por parte da torcida do Red Bull. Antes do jogo, uma bandeira atrás de um dos gols mostrava caricaturas do italiano e do inglês usando bengalas, com os dizeres “Casa de repouso do City”, em referência à idade avançada de ambos – 37 para Lampard e 36 para Pirlo.

Ao final do jogo, o inglês Lampard se mostrou contente por ter começado o jogo como titular, ao lado de Pirlo e Villa, mas lamentou o resultado ruim – o segundo em sequência. “Me sinto bem, orgulhoso. Foi um grande clássico e penso que tivemos chances para sair com um resultado melhor. Se não tivéssemos tomado um gol nos 20 primeiros minutos, poderia ter sido diferente”, admitiu.

Torcedores rivais provocam Lampard e Pirlo com referência à idade avançada (Foto: Reprodução/Twitter)

Com o próximo jogo diante do líder da Conferência Leste, DC United, dentro de casa, na quinta-feira, Lampard reconhece a necessidade de buscar os três pontos para melhorar a posição na tabela. Atualmente o New York City é apenas o oitavo, com 24 pontos, dois a mais que o lanterna Chicago Fire.

“Precisamos vencer jogos e melhorar nossa posição na tabela. Entendemos que podemos buscar a vitória contra o DC United para recuperar a confiança e seguir firme buscando posições na tabela da Conferência Leste da MLS”, falou o camisa 8.

O post Clássico de NY tem briga entre torcidas e provocação à dupla de craques apareceu primeiro em .

view Gazeta Esportiva