shoegaze

Vídeo: The Sorry Shop – Queen Of The North (2017)

Vídeo: The Sorry Shop – Queen Of The North (2017)

Melhor banda shoegaze do Brasil e das melhores do planeta, os gaúchos da Sorry Shop irão (finalmente) lançar em 2017 o sucessor de Mnemonic syncretism. O futuro álbum ainda não foi batizado, mas
Justine Never Knew The Rules – Overseas (2016)

Justine Never Knew The Rules – Overseas (2016)

A Justine Never New The Rules vem de Sorocaba e lançou em outubro último seu primeiro disco cheio, após alguns singles e EPs. Overseas foi produzido pela própria banda, saiu via Midsummer Madness e
Canções Da Vida: Soon (My Bloody Valentine / 1990)

Canções Da Vida: Soon (My Bloody Valentine / 1990)

Em 1990 o My Bloody Valentine já havia tomado para si o posto de criador e representante maior do shoegaze graças ao lançamento, em 1988, de Isn’t anything. Por mais que se discuta o marco zero da

Ouça "Star Roving", a primeira música inédita do Slowdive em 22 anos

A última vez que eles tinham lançado alguma coisa nova, o termo "alternativo" ainda era relevante na música.
The Brian Jonestown Massacre – Third World Pyramid (2016)

The Brian Jonestown Massacre – Third World Pyramid (2016)

Um dos últimos – senão o último dos – encrenqueiros na ativa fazendo algo realmente relevante na música, Anton Newcombe segue lançando ótimos discos, seja à frente do Brian Jonestown Massacre ou se
Loop – Heaven’s End (1987)

Loop – Heaven’s End (1987)

Menos conhecido que o Spacemen 3 pelos ‘não-iniciados’ mas igualmente seminal, o Loop surgiu na mesma Inglaterra que a banda primordial de Sonic Boom e Jason Spaceman, e também na segunda metade da
Gash – A Mellow Project By Pin Ups (1992)

Gash – A Mellow Project By Pin Ups (1992)

Lembro-me que quando o Pin Ups lançou esse seu ‘projeto’ Gash e tirou do forno via Zoyd seu segundo disco, A mellow project by, geral desceu o sarrafo, acredito hoje que muito devido à crítica azeda
VA – Come On Feel The NoiZe, BraZil Class´17 (2017)

VA – Come On Feel The NoiZe, BraZil Class´17 (2017)

Ok, não dá pra acompanhar o ritmo dos lançamentos da TBTCI Records, isso é fato. De junho – quando saiu essa coletânea que a gente põe na roda hoje – até agora já foram CINCO discos, incluindo
PCP Radio Show – Especial 1995

PCP Radio Show – Especial 1995

No ar para ouvir aqui no Pequenos Clássicos Perdidos outro de nossos (in)falíveis podcasts PCP Radio Show, versões compiladas dos programas originalmente transmitidos via web radio (neste caso, pela
1987, o ano em que o My Bloody Valentine se reinventou

1987, o ano em que o My Bloody Valentine se reinventou

“No começo era a escuridão. E fez-se a luz.” Até 1987 o My Bloody Valentine era uma coisa. Uma coisa bacana, diga-se, mas ‘apenas uma coisa’. Liderados pelo vocalista David Conway, os Valentines eram