flávio tavares

A mãe do goleiro

A solidariedade e o amor desapareceram de tal forma da vida cotidiana que, às vezes, só as tragédias nos despertam para os gestos de afeto e nos fazem avaliar como é belo viver no outro. Como seria

As salsichas e a lei

O barão Otto Von Bismarck, "o chanceler de ferro" que, de um grupelho de reinos anárquicos fez da Alemanha um pujante Estado nacional no século 19, dizia sempre que as pessoas não conseguiriam dormir

Temer e as temeridades

* Jornalista e escritorO movimento "Fora Temer" cresce e nele estão, hoje, até os que — em repúdio ao estilo de Lula — pediram o impeachment de Dilma. Já quase não há quem não sinta repulsa até pelo

Os dois rostos de fidel

A História é um jogo de luzes e sombras, em que líderes, oráculos e pequenos deuses reúnem em torno de si todas as paixões — amor e ódio, esperança e repulsa, certeza e dúvida. Fidel Castro foi um

O triunfo da catástrofe

A catástrofe financeira do Estado exige atenção profunda, voltada ao futuro, não só em fazer que "a despesa caiba na receita", como diz o governo. Aqueles míopes que criticam o governador Sartori

Rasteiras da vida

* Jornalista e escritorO fato concreto supera a teoria e as pomposas análises sobre a violência urbana que nos estremece pelo país e pelo mundo. Narro agora uma experiência pessoal, ocorrida em Porto

Segredos muy secretos

O grupelho que, aos gritos de "viva a ditadura, queremos um general", invadiu a Câmara dos Deputados, dias atrás, queria (ou quer) de fato o quê? Que se institua a ditadura por um projeto de lei

Grandes e pequenos

A morte é sempre maior do que a vida. Talvez seja difícil entender, pois festejamos o nascer, nunca o fenecer, mas é o morrer que nos dá a dimensão de quem partiu. A ausência é que define o que alguém

Os resíduos do horror

Quisera escrever apenas sobre o agradável e o bem — grandes descobrimentos da ciência e atos de bondade ou solidariedade humana e, assim, superar a perplexidade geral destes anos do Século 21. Mas

De eleição e violência

Quem dos dois M será? Seja quem venha a ser e seja qual for a diferença numérica entre um e outro, o futuro prefeito de Porto Alegre será minoritário. Sim, minoritário, pois a escolha derivada da

A trampa de Trump

Parecia pesadelo, mas acordamos com a bofetada: o odioso confesso, o racista, intolerante e atrasado Donald Trump será presidente dos Estados Unidos. Potência econômica e militar (pátria da Coca-Cola,

Crimes de Natal

A origem de qualquer crime é sempre a ignorância. A maldade vem depois, como filha dileta nascida daquele não saber, não ver ou não entender que a beleza da vida presente está em preparar o futuro.Ou,

O país do tudo pode...

O horror tem o poder de nos despertar da letargia, mas nem assim vemos a luz do sol. O massacre de Manaus fez até o papa Francisco nos alertar sobre o abismo à nossa frente, mas continuamos inertes,

Sonhos de Ano Novo

O que teremos em 2017? Para onde caminharemos? De que lado virão os ventos e como serão? Suaves ou cruentos? Ou violentos, noite e dia sem alegria na faina dura buscando vida pura? O mais fácil e

A peste e a gangrena

O que é mais maligno — a peste ou a gangrena? No horror em que os políticos transformaram a política no Brasil, fazendo dos partidos meros grupos de assalto associados a grandes empresas, o funesto

A flauta muda

* Jornalista e escritor A flauta de Plauto Cruz silenciou. É duro perder alguém como ele e sua música nestes tempos em que a pompa superficial se sobrepõe ao sensível e profundo. Na flauta de Plauto,

Sentados num banco...

A ideia (ou tentativa) de nos desfazermos do Banrisul e passá-lo a mãos estranhas, me leva a indagar: por que extraviamos nosso orgulho? Não me refiro ao maldoso orgulho de "ser superior" e desprezar

Rumo à ignorância

O espanto nos domina. A violência se alastra e se aprofunda como "marca nacional", sem que busquemos as causas e origens do horror. Tudo se resume a aliviar as consequências e mascarar os sintomas.

Da mula ao caranguejo

A mula foi a primeira grande criação humana que fez a humanidade avançar. Revolucionou a genética antes de Mendel descobrir as leis da genética. Na Antiguidade, revolucionou os transportes. As tropas

O Carnaval da CIA

A espionagem da CIA norte-americana montou, mundo afora, uma rede de controle que, com milhões de dólares e à base de fantasias e invencionices, abasteceu o fanatismo da extrema direita nos anos da