filme gnóstico

"Complicações do Amor": pode algo tão bom não funcionar mais?, por Wilson Ferreira

"Complicações do Amor": pode algo tão bom não funcionar mais?, por Wilson Ferreira

Categoria: Cinema Por Wilson Ferreira Não se perca no infeliz título em português, que faz parecer uma comédia romântica de sessão da tarde. “Complicações do Amor” (The One I Love, 2014) é uma
Na série "Westworld", o labirinto da mente bicameral das máquinas e humanos, por Wilson Ferreira

Na série "Westworld", o labirinto da mente bicameral das máquinas e humanos, por Wilson Ferreira

Categoria: Cinema Wilson Ferreira Um dos raros exemplos em que a refilmagem supera o original – o filme de 1973 “Westworld – Onde Todos Não Têm Alma” baseado no livro de Michel Crichton, criador
"Enter The Void", drogas e o Livro Tibetano dos Mortos, por Wilson Ferreira

"Enter The Void", drogas e o Livro Tibetano dos Mortos, por Wilson Ferreira

Categoria: Cinema por Wilson Ferreira Um cineasta ateu que não crê em reencarnação faz um filme inspirado no “Livro Tibetano dos Mortos”. Essa é a principal virtude de “Viagem Alucinante” (“Enter
Como escapar da Matrix: 10 definições de "gnose" através do cinema, por Wilson Ferreira

Como escapar da Matrix: 10 definições de "gnose" através do cinema, por Wilson Ferreira

Categoria: Cinema por Wilson Ferreira Desde os clássicos filmes gnósticos “Show de Truman” e “Matrix” a espécie humana é representada como prisioneira em uma gigantesca ilusão cósmica –
Os 10 filmes mais estranhos de 2016, por Wilson Ferreira

Os 10 filmes mais estranhos de 2016, por Wilson Ferreira

Categoria: Cinema Esqueça os filmes oscarizáveis e assista a uma lista de filmes com “estranhas” narrativas: um cadáver flatulento que evita o suicídio de um náufrago, a filha de Deus que hackeia o
O Gnosticismo politicamente incorreto em "Festa da Salsicha", por Wilson Ferreira

O Gnosticismo politicamente incorreto em "Festa da Salsicha", por Wilson Ferreira

Categoria: Cinema por Wilson Ferreira Uma das teses do Cinegnose é que as animações atuais cada vez mais exploram temas gnósticos de desconstrução da realidade. Afinal, em relação aos filmes live
Na série "The OA" a obsessão científica pelas experiências de quase morte, por Wilson Ferreira

Na série "The OA" a obsessão científica pelas experiências de quase morte, por Wilson Ferreira

Categoria: Cinema por Wilson Ferreira Desde “ET” e “Contatos Imediatos do Terceiro Grau” Spielberg transformou os subúrbios de classe média dos EUA, com suas bikes BMX e jovens aventureiros, em
Tricô, lã e Alquimia no filme "Wool 100%", por Wilson Ferreira

Tricô, lã e Alquimia no filme "Wool 100%", por Wilson Ferreira

Categoria: Cinema por Wilson Ferreira Um filme para os cinéfilos amantes do surreal e do estranho. “Wool 100%” (“100% Lã, 2006) do escritor/diretor japonês Mai Tominaga é uma curiosa comédia que

A celebração da loucura e destruição na viagem do tempo em "Os 12 Macacos", por Wilson Ferreira

Categoria: Cinema por Wilson Ferreira Uma ambiciosa releitura do clássico francês “La Jetée”(1962), o filme que mudou a perspectiva da viagem no tempo no cinema. Em “Os 12 Macacos” (1995) Terry
"The Discovery": devemos saber o que existe depois da morte?

"The Discovery": devemos saber o que existe depois da morte?

Categoria: Cinema Por Wilson Ferreira Em um futuro próximo, finalmente a Ciência conseguiu a prova definitiva da existência após a morte. Porém, o resultado foi catastrófico: uma onda de suicídios
O horror e a patologia humana no filme "A Cura", por Wilson Ferreira

O horror e a patologia humana no filme "A Cura", por Wilson Ferreira

Categoria: Cinema por Wilson Ferreira À primeira vista parece um gigantesco pastiche de duas horas e meia de referencias a filmes como “Ilha do Medo”, “O Iluminado”, “Drácula” e filmes B de terror.
"Complicações do Amor": pode algo tão bom não funcionar mais?

"Complicações do Amor": pode algo tão bom não funcionar mais?

Categoria: Cinema Não se perca no infeliz título em português, que faz parecer uma comédia romântica de sessão da tarde. “Complicações do Amor” (The One I Love, 2014) é uma crítica ambígua e até