composição de autor desconhecido

Coco de Pagu, versos de Raul Bopp, na interpretação de Laura Suarez

Categoria: Memória por Luciano Hortencio Pagu tem uns olhos moles, Olhos de não sei o que. Se a gente tá perto deles, Alma começa a doer. Eh Pagu eh! Faz o que é bom de fazer doer. (bis) Pagu