chimamanda ngozi adichie

Este homem negou que Trump é racista. E ela deu a melhor resposta

Este homem negou que Trump é racista. E ela deu a melhor resposta

"Me desculpe, mas se você é um homem branco, não cabe a você dizer o que é racismo", disse a escritora Chimamanda Ngozi Adichi.
Por que a autora feminista Chimamanda Ngozi Adichie está sendo chamada de transfóbica

Por que a autora feminista Chimamanda Ngozi Adichie está sendo chamada de transfóbica

A autora nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie é reconhecida pelos seus livros que tratam do feminismo e da questão de gênero, mas recentemente foi alvo de comentários hostis nas redes sociais após dar
Por que a autora feminista Chimamanda Ngozi Adichie está sendo chamada de transfóbica

Por que a autora feminista Chimamanda Ngozi Adichie está sendo chamada de transfóbica

A autora nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie é reconhecida pelos seus livros que tratam do feminismo e da questão de gênero, mas recentemente foi alvo de comentários hostis nas redes sociais após dar
O feminismo sob os holofotes, mais uma vez

O feminismo sob os holofotes, mais uma vez

Ano passado eu fui entrevistada por uma TV local no Brasil e fui questionada, por conta do meu trabalho acadêmico com gênero e a crítica feminista, o que mudou depois que o feminismo "ganhou os
O feminismo sob os holofotes, mais uma vez

O feminismo sob os holofotes, mais uma vez

Ano passado eu fui entrevistada por uma TV local no Brasil e fui questionada, por conta do meu trabalho acadêmico com gênero e a crítica feminista, o que mudou depois que o feminismo "ganhou os

Esta é a 'ferramenta feminista' de Chimamanda Ngozi Adichie para identificar situações machistas

Para Educar Crianças Feministas (Cia das Letras, 2017), um dos livros da autora nigeriana Chimamanda Ngozie Adichie, nada mais é do que uma extensa carta para uma amiga que acabou de ser tornar mãe de

Esta é a 'ferramenta feminista' de Chimamanda Ngozi Adichie para identificar situações machistas

Para Educar Crianças Feministas (Cia das Letras, 2017), um dos livros da autora nigeriana Chimamanda Ngozie Adichie, nada mais é do que uma extensa carta para uma amiga que acabou de ser tornar mãe de