catherine deneuve

“É preciso deixar de pensar que a mulher é sempre uma vítima”

“É preciso deixar de pensar que a mulher é sempre uma vítima”

Catherine Millet, escritora e crítica de arte, promotora do manifesto de 100 mulheres francesas contra o movimento #MeeToo, denuncia seus métodos e consequências
Catherine Deneuve pede perdão às vítimas de abusos após artigo contra “puritanismo sexual”

Catherine Deneuve pede perdão às vítimas de abusos após artigo contra “puritanismo sexual”

Atriz francesa lamentou que seu apoio ao polêmico texto tenha sido tirado de contexto
Contra o ‘habeas corpus’ pra macharada

Contra o ‘habeas corpus’ pra macharada

Não foi a intenção, mas o manifesto francês valeu como uma licença para a selvageria e o crime de assédio
A resposta das feministas francesas a Catherine Deneuve

A resposta das feministas francesas a Catherine Deneuve

Grupo responde ao manifesto liderado por atriz francesa que criticou o movimento #MeToo no 'Le Monde'
A íntegra do manifesto assinado por Catherine Deneuve

A íntegra do manifesto assinado por Catherine Deneuve

O estupro é crime. Mas a paquera insistente ou desajeitada não é crime, nem o galanteio é uma agressão machista
De Leão a Deneuve: A normalização da violência sob o argumento do 'puritanismo sexual'

De Leão a Deneuve: A normalização da violência sob o argumento do 'puritanismo sexual'

Simone de Beauvoir, em O Segundo Sexo, ao escrever sobre a condição feminina, afirma que "o laço que une as mulheres a seus opressores não é comparável a nenhum outro". E, para fazer tal afirmação,
De Leão a Deneuve: A normalização da violência sob o argumento do 'puritanismo sexual'

De Leão a Deneuve: A normalização da violência sob o argumento do 'puritanismo sexual'

Simone de Beauvoir, em O Segundo Sexo, ao escrever sobre a condição feminina, afirma que "o laço que une as mulheres a seus opressores não é comparável a nenhum outro". E, para fazer tal afirmação,
Catherine Deneuve pede desculpas a vítimas de assédio após manifesto pelo 'direito de importunar dos homens'

Catherine Deneuve pede desculpas a vítimas de assédio após manifesto pelo 'direito de importunar dos homens'

Sim, eu gosto da liberdade. Mas não gosto desta característica do nosso tempo em que todos sentem o direito de julgar, arbitrar, condenar.A frase acima é da atriz Catherine Deneuve, 74 anos, em carta
Catherine Deneuve pede desculpas a vítimas de assédio após manifesto pelo 'direito de importunar dos homens'

Catherine Deneuve pede desculpas a vítimas de assédio após manifesto pelo 'direito de importunar dos homens'

Sim, eu gosto da liberdade. Mas não gosto desta característica do nosso tempo em que todos sentem o direito de julgar, arbitrar, condenar.A frase acima é da atriz Catherine Deneuve, 74 anos, em carta